quarta-feira, novembro 21, 2007

THE TUDORS


Já que falei de Ana Bolena no post anterior, vou continuar falando de Henrique VIII. Vocês estão acompanhando The Tudors no canal People & Arts? Aqui em casa todo domingo as 23:00 ligamos a TV para assistir. Até agora não perdemos nenhum episódio.

A série fala da vida do rei Henrique VIII, segundo monarca da dinástia Tudor. Mais conhecdo por seus 6 casamentos, mas acima de tudo uma figura fundamental em um momento crucial da história da Inglaterra, num período de consolidação do absolutismo; da era das grandes navegações, aonde as fronteiras do planeta se expandiam, dando o pontapé inicial para transformar a Inglaterra na grande senhora dos mares. Além, óbvio, de ser o responsável pela ruptura da Inglaterra com a Igreja Católica, dando início ao anglicanismo.

Alguns historiodores acusam a série de não ser fiel a História. E de fato não é. Por exemplo, na série, Henrique VIII arranja o casamento de sua irmã Margaret como D. Manoel de Portugal e designa um de seus melhores amigos para acompanhá-la até Portugal. Na viagem os dois se apaixonam e Margaret mata D. Manoel (retratado na série como um velho porco e imundo). Qualquer pessoa que pesquisar sobre a vida de D.Manoel verá que não existe nenhum registro

que ele tenha sido casado com uma inglesa (e muito menos assassinado). Assim como não consta nehuma evidência que que a Princesa Margaret tenha sido casada com algum Rei de Portugal ou com algum amigo de Henrique VIII. Agora, todo episódio, eu e o Renato ficamos esperando o marido dela morrer. Não há como ignorar a Princesa Margaret, já que ela foi esposa de James IV (Rei da Escócia, morto por Henrique VIII) e avó de Mary Stuart (futura rainha da Escócia). Quem quiser saber mais sobre esse fato, acesse o blog do Renato (http://www.filosofia-de-botequim.blogspot.com/).

Jonathan Rhys-Meyer (jovem ator britânico) interpreta Henrique VIII. E apesar de o Renato viver implicando com ele, não acho que sua performance comprometa. Neste aspecto, acho que atriz que faz Ana Bolena, muito pior. Ela é péssima! Nenhum rei perderia a razão por causa dela. De atores conhecidos, além de Jonatham Rys-Meyer, só o Sam Neil (cardeal Wolsey) e o Jeremy Northam (Thomas More).

Apesar das falhas (toda série tem. Isso não é exclusividade de The Tudors), estou adorando a série. The Tudors foi sucesso de público. Recebeu 4 indicações ao prêmio Emmy (o mais importante da TV americana), e ganhou 2. Pesquisando sobre a série, descobri que já encomendaram a segunda temporada, tomara!

9 comentários:

Renata Rainho disse...

Minha tv quebrou em julho e nem fui fazer orçamento rs

Virginia disse...

Eu estou assistindo, mas sem muita regularidade... e ando preferindo a edição com cortes, já que a sacanagem rola solta! Aliás, esse foi um dos motivos de terem escolhido um ator tão bonitão para ser o Henrique VII. Quem iria querer ver uma série onde um gordão de mais de 100kg "pega geral"?

Outra impropriedade história diz respeito ao Papa. O que está sendo retratado na série não é o que participou dos acontecimentos citados.

:D

Adriana Teixeira disse...

O jonathan Rys Meyer foi escolhido para o papel por ser um ator jovem inglês que está construindo sa carreira muito bem. Na Inglaterra, ele é mega popular. E já participou de vários filmes importantes. O último que passou aqui no Brasil foi Match Point do Woody Allen. Sem falar que ele recebeu o Globo de Ouro de melhor ator de TV interpretando o Elvis (trabalho que tb lhe rendeu uma indicação a Emmy). Quanto a obesidade de Henrique VIII, eu tenho que pesquisar mais um pouco, mas tenho a impressão que foi a partir de certa idade, mas não tenho certeza. Essa questão do Papa, eu tb não sei, mas é bem possível que não seja o retratado na série. Depois de D. Manoel espero qq coisa(rsrsrs).

Beijos
Dri

Mari disse...

Eu não estou acompanhando, mas agora estou curiosa.

Virgínia disse...

Que o Jonathan Rys Meyer estava fazendo um bom sucesso ou sabia, mas o que eu quis dizer é que escolheram um ator beeeem mais magro que o rei retratado. Claro que o Henrique VII não nasceu obeso, mas com a idade na série ele já tinha sérios problemas com a balança (milhas distantes daquele abdomen de taquinho!)

Olha só uma matéria: "Os produtores da série dizem que não. Argumentam que o jovem Henrique era considerado um dos monarcas mais atraentes de seu tempo. E o homem era um esportista, sempre bem disposto para uma boa caçada. A desculpa não cola. A ação da série começa por volta de 1520, quando Henrique já tinha quase 30 anos – seria de esperar que pelo menos os primeiros sinais de sua monumental barriga já aparecessem."

Quanto ao Papa eu lhe disse algo errado. O que está sendo retratado na sério é o Clemente VII, mas o divórcio (que vai ser dar na 2ª temporada) parece que vai ser com o Paulo III. O que históricamente está incorreto. Isso vai acontecer porque eles arrumaram um ator de maior calibre (Peter O´Toole) para ser o novo Papa da série...

Adriana Teixeira disse...

Pois é, Virgínia. Se tem uma coisa que não estou gostando nessa série é que eles estão enrolando muito. Já tinha visto que já tinha a segunda temporada encomendada. O divórcio não vai sair nunca!!!! A decaptação da Ana Bolena então, nem se fala(provavelmente na vigésima temporada). Não sei se o Jonathan Rys Meyer vai segurar a onda muito tempo não. Daqui a pouco, ele não irá convencer nadinha. O que gosto da série, é a produção. Acho impressionante!

Peter o Toole é sem duvida um nome de peso.

Beijos

Patrícia disse...

Eu parei de ver por causa da mentirada. Li o que o Renato escreveu e assino em baixo.

Virgínia disse...

Já que estamos falando em "mentiras" históricas. Ao que parece, o filho "bastardo" não morreu criança como retratado. Ele chegou até a se casar! Tá certo que tudo é feito para parecer mais coeso. Não podemos assistir algo desse tipo como se fosse uma biografia, mas só pela diversão tá valendo!

Se for para ser igual Lost, vai durar uns 20 anos! ehehehehh Desisto e só volto a ver no final! Vou lendo as notícias e acompanhando...

M.CLARA disse...

BOM, SE O MENINO E BOM ATOR OU NÃO, EU NÂO SEI. SO SEI QUE ELE FOI PRESO ESSA SEMANA.