quinta-feira, junho 14, 2007

EU E AS TAREFAS DOMÉSTICAS

Quando nos casamos descobrimos um universo totalmente novo: as tarefas domésticas. É claro que não estou dizendo que eu era uma total unútil, mas eram coisas raras até então para mim. E hoje, elas fazem parte do meu cotidiano. Nesse meu novo universo (cheio de novas descobertas), descobri um monte de coisas novas:

1) É essencial ter um marido que tope com a maior boa vontade dividir as tarefas com a gente.
E disso, eu não posso me queixar nadinha. O Renato lava toda a louça e panela sem reclamar (sou mega alérgica a detergente e juro que não é desculpa esfarrapada). E nos fins de semanas me ajuda a fazer uma mini faxina na casa. Quero ver essa semana que a faxineira não pode vir (buaaaaaaaa).

2) Lavar roupa não é o bicho de sete cabeças que parece.
Eu e ao máquina de lavar somos praticamente amigas de infância!!!! E aprendi sozinha a mexer naqueles botões todos e acertar a programação para cada tipo de lavagem (é claro que dei uma lidinha no manual primeiro). Também já estou craque em lavar roupa na mão. Ponho o avental que a minha amiga Cata me deu de chá- de- panela e pronto, lá vou eu para o tanque.
Descobri que a maioria das minhas roupas devem ser lavadas a mão. Confesso, que estou um pouco obcecada com aquelas etiquetinhas que vem nas roupas com as instruções de lavagem. Leio todas!!!!!! O Renato disse que vou acabar pirando desse jeito. Mas sabem que eu até gosto de lavar roupa? Sei que muitas de vocês vão dizer que sou doida, mas eu curto, seja na máquina ou na mão, acabo me divertindo.

3) Passar roupa é tão chato quanto parece
Passar roupa é muito chato! Mas não tem jeito. Eu prefiro passar um pouquinho todo dia, do que deixar acumular. Porque se for deixar o cesto de roupas sujas crescer... nessa casa ninguém vai ter roupa passada. Então para evitar que tal tragédia aconteça, passo um pouco todo dia.
Confesso que capricho mais nas roupas do Renato do que nas minhas, justamente por achar tão chato! É calça jeans então? Um inferno. Quando a faxineira vem, ela dá uma mão, principalmente com roupa de cama.

4) Eu e o fogão realmente não temos muita intimidade.
Mas isso aos poucos está sendo quebrado. Eu ainda vou virar uma mestre-cuca, vocês vão ver.

5)Meu novo microondas é um muito chato.
Não entendam mal. Ele é ótimo!!!!! Tem todas as funções. Mas como ele ainda é novo para mim, ainda não me entendi muito bem com todos aqueles botões. Outros coloquei um saco de pipoca e vi um botão função pipoca. Sem nem pensar duas vezes, apertei o tal botão, logo o micro se programou sozinho, resultado a pipoca queimou inteira!!! Até hoje sinto o cheiro de pipoca queimada. E o idiota do micro ainda solta frases debochadas, tipo: Bom Apetite (juro!) Esse dia tive vontade de quebrar esse microondas!!!!

6) Eu amo o forninho elétrico
Não vivo sem ele. Ganhei um maravilhoso da Black&Decker divino. Dá para fazer quase tudo nele.

7) Brincar de padeiro é muito legal.
Essa foi sugestão da Cata. Em uma das trocas do Pronto Frio pegamos uma máquina de fazer pão. E não é que dá certo?! O pão sai maravilhoso e quentinho, delicioso!

8)Eu odeio ainda ter que ir na casa da minha mãe pegar minhas roupas.
Parece que não acaba nunca! E o pior é que to vendo minha parte do armário daqui diminuir e um monte de roupa ainda lá! Já doei bastante coisa, mas ainda não sei como resolver essa equação.

9)Quanto mais Tupperware, zipilok e similares, você tiver, mas você precisa.
É inacreditável a quantidade de coisa que temos que guardar, congelar, etc...

10) Confissão: eu ainda tenho muito medo da panela de pressão.
Tá, eu sei que é ridículo, mas o que posso fazer? Tenho pânico daquilo!
Confissão nº2: eu tenho tanto medo dela, que nem tenho uma aqui em casa.

Depois conto mais das minhas aventuras no "incrível mundo das tarefas domésticas".

14 comentários:

Catarina Chagas disse...

Adorei! Deixa eu comentar:

1) Marido que ajuda é tudo! Rafael também é participativo. Seria muito chato fazer tudo sozinho e, como os dois trabalham, é justo que os dois dividam as tarefas domésticas, para ninguém ficar sobrecarregado.

2) Eu também adoro botar roupa pra lavar, hehehe! Mas estender no varal... Eu odeio. E raramente lavo as coisas na mão. As etiquetinhas são muito neuróticas. Algumas roupas delicadas (não todas) podem ser lavadas na máquina dentro de um saquinho especial para isso (vende na Tok Stok). E outra dica é acumular um pouquinho de roupa, para lavar a máquina cheia: assim se economiza água, sabão e energia.

3) Passar roupa é o ó! Odeio também. Mas tem uma pessoa que faz isso para mim, a mesma da faxina.

4)O fogão virou meu amigo depois que ganhei o livro da Dona Benta! É muito bom, tem explicações claras e ensina a fazer tudo, até arroz. Recomendo!

5) Outro dia fui derreter chocolate no microondas (idéia de jerico, assumo) e acabei derretento o tupperware. Mas, fora isso, nos entendemos bem.

6) Puxa, eu não tenho um. Ainda tenho vales do Ponto Frio, quem sabe?

7) Sim, máquina de pão é tudo! Já fez o pão de requeijão com cebolinha? É uma delícia!

8) Até hoje minha mãe acha umas roupas minhas lá, que ficaram no armário dela ou da minha irmã...

9) Outra dica que aprendi com a minha mãe: separe os recipientes plásticos para doces e salgados, assim uma coisa não pega o cheiro da outra.

10) Eu também tenho medo! Temos uma e nunca usamos, está com etiqueta e tudo. Que vergonha!!!

Beijos

Lu disse...

Olá Florzinha!

Amei os últimos posts... e vendo tudo isso só aumenta a minha vontade do casório!
Todo mundo me fala, imagina vc é nova... e blablabla...
Mas quer saber? Nem ligo!

Espero que fique mais amiga do seu microondas com o tempo!

Take care!!!

Bjinho

grazi disse...

se te serve de consolo... tmb tenho medo da panela de pressão, mas eu tenho e uso, caso contrario nao tenho como fazer feijão, mas fico de olho na bixinha. bjos


quero ver fotos da sua casa.

renata disse...

Amei seu post! vou escrever com calma comentando cada ítem. bjinho

Mari Ferraz disse...

Tb adorei Dri, vou comentar o pouco q sei, apesar de ainda nao ter casado:

1- Espero q o Rick me ajude, nos dois trabalhamos mto e é mto chato fazer isso sozinho.

2- Nunca lavei roupa sozinha, mas tb nao acho q esse será o maior dos meus problemas.

3- Passar roupa deve ser mto chato mesmo, e eu tenho medo de me queimar com o ferro pois sou mega estabanada!

4- Concordo com a Cata. A Dona Benta é uma mao na roda!

5- Os microondas velhos sao os melhores, qto mais funçao mais complicado fica de usar!

6- Forninho eletrico é tudo! Na minha familia todo mundo tem um em cada canto, item basico da minha lista!

7- To louca para ganhar essa maquina de pao e fazer pao em casa. HMMM!

8- Minhas roupas estao espalhadas entre a casa do rick, da minha avo e da minha mae. É um saco isso!

9- Essas coisas sao mto uteis, e separar em doce e salgado é mais higienico. Na minha casa fazemos isso ate com o copo do liquidificador.

10- Tb tenho pavor de panela de pressao! Compro feijao enlatado mas nao uso isso nao, credo!!

bjs,

Mari

Simone disse...

1)Ihhh.. não sei se o Cláudio vai me ajudar não.

2)Lavar roupa tmabém não me assusta em nada. Apesar de não ter a mínima idéia de que etiquetinhas vocês estão falando.

3)Passar roupa, definitivamente é muito chato!

4)Se o livro da Dona Benta existe até hoje é pq ele é muito bom mesmo. Tem de tudo lá!

5)Essa do microondas tá engraçada!

6) Aqui em casa usamos o forninho para quase tudo! Eu acho genial.

7)Que máquina de pão é essa?

10) Gente, não to entendendo esse pavor todo de vocês da panela de pressão. Imagino que ela seja segura. Tanta gente usa! Aqui em casa pelo menos nunca vi nenhum acidente com ela.

Adriana Teixeira disse...

Cata - Eu confesso que estou paranóica com as etiquetinhas. Mas se tá dizendo para eu lavar na mão o que posso fazer? Fico doida! Em pensar em tacar na máquina e sair toda rasgada, mesmo que eu programe na lavagem delicada. Acabei de comprar os saquinhos em um bazar no Leblon (já os tinha visto na Casa e Vídeo. Mas como funciona? Posso colocar o que dentro deles?

Como assim, vc não tem um forninho Catarina? Ele é essencial. No Ponto Frio tem o meu da Black & Decker e nem é muito caro. Vale muito a pena!



A moça da faxina tb passa para mim. Mas qdo começa acumular, me dá agonia. Então as pequenas coisas eu mesma passo. Agora, roupa de cama e banho, sem condições.

Eu tb ganhei o Dona Benta, mas mesmo assim, eu e o fogão não somos amigos.

Cata, esse pão eu ainda não testei. Estamos apenas começando nessa arte. Por enquanto só o tradicional mesmo.

Bom, pelo menos vc tem a penela. Eu nem isso!

Grazi - Acho que no dia que eu tiver uma panela de pressão e fizer alguma coisa nela, não vou sair de perto. Vou ficar de olho duro nela. Prometo que assim que a casa tiver mais ajeitadina (com as cortinas novas, capa de sofá, eu coloco fotos dela.

Mari - Se queimar passando roupa é meio difícil. Pode até acontecer, mas é só ficar atenta que não acontece nada não.

Forninho elétrico é tudo mesmo! Acho que é o eletro que mais uso.

Eu não ganhei a máquina de pão, mas peguei na troca no ponto Frio. AInda tenho um monte de créditos de lá.

Feijão enlatado não parece muito bom não. Se um dia eu quiser comer feijão prefiro enfrentar a panela de pressão.


Simone - As etiquetinha que estamos falando são aquelas que vem nas roupas com as instruções de lavagem.

A máquina de pão é máquina (Não vou lembrar a marca agora de jeito nenhum!) que vc pode fazer diversos tipos de pão! O mais lega é que vc pode programar ela para começar a fazer o pão de madrugada, aí qdo vc acordar, vai tá aquele cheiro maravilhoso de pão fresco na casa. E sai quentinho. É uma delícia!

Beijos a todas!!!!
Dri

ALine disse...

Eu tb não conhecia essas etiquetinhas nas roupas. Vocês tem certeza que toda roupa tem isso?

M. CLARA disse...

ADRIANA, ESTOU PASSANDO MAL DE TANTO RIR COM ESSE POST. ESSA HISTÓRIA DA PANELA DE PRESSAO É HILÁRIA!

COMO MORO FORA DO PAÍS JÁ ESTOU ACOSTUMADA COM GRANDE PARTE DESSAS TAREFAS.

Adriana Teixeira disse...

Aline - Pode procurar direitinho, pois toda roupa tem essa etiquetinha (rs)

Beijos

Adriana Teixeira disse...

Cata,
Os saquinhos de lavar roupa são geniais. Já foram testados e aprovados.
Beijos
Dri

Danielle disse...

Adriana,

Acredita q eu fui usar a panela de pressão só agora, depois de 1 ano e 7 meses de casada, e quem me ensinou a usá-la foi minha faxineira/passadeira/0800/anja,kakaka,é q ela muita coisa, se vacilar ela muda a decoração do apt,rsrs, mas não tem mistério, tem só q tomar cuidado com a borracha, se começar a chiar logo é pq tá td ok, senão é pq a borracha tá gasta ou não fechou direito a panela, e te digo mais, já fiz até macarrão no microondas,MARAVILHOSO!!!

Eu adoro essa máquina de pão tb, vou experimentar esse q a catarina indicou!

E esses saquinhos pra roupas delicadas são uma beleza, inclusive para lingerie ou cuecas,aff!!!
E a dica da Catarina é 10 e percebi a economia aqui em casa, antes qualquer coisinha suja já estava pondo na máquina, agora deixo acumular mais pra poder separar, só q separando lógico, roupa de cama,toalhas, brancas e coloridas.Rapidinho vc se acostuma!

Bj

renata disse...

1) É essencial ter um marido que tope com a maior boa vontade dividir as tarefas com a gente.
Concordo plenamente, se ele te ajudar a tirar a roupa da máquina pra colocar no varal, e conversando, a tarefa parece tão simples e RÁPIDA!

2) Lavar roupa não é o bicho de sete cabeças que parece.
Eu e ao máquina de lavar somos praticamente amigas de infância!!!! Eu também estou me achando a melhor usuária de máquina de lavar roupas, não tenho tanque então não cheguei nesta parte de lavar roupas a mão. Detalhe evito usar roupas que eu não possa colocar na máquina.


3) Passar roupa é tão chato quanto parece
Eu não uso roupas que passa há um bom tempo. Nem tenho ferro.


4) Eu e o fogão realmente não temos muita intimidade.
Nisto eu me surpreendi um pouco. É tudo de saquinho, congelado. O dia que tive uma grande inspiração (peguei couve em campos do jordão pra comer com um hambúrguer de vitela que eu tinha congelado em casa e arro) descobri que eu não tinha alho pra fazer um tempero!

5)Meu novo microondas é um muito chato.
Frases?! Nossa eu não tenho um mas já fiquei com a dica o meu será mudo.

renata disse...

8)Eu odeio ainda ter que ir na casa da minha mãe pegar minhas roupas.
Parece que não acaba nunca! Realmente eu também estou com este problema, o pessoal aqui do prédio onde trabalho brinca que eu estou acabando com a falta de roupas, sapatos, brinquedos e livros do planeta. E mesmo assim ainda tem muita coisa na casa da minha mãe. Uma vez por semana vou lá e tiro muita coisa pra doar, daí eu fui doando aqui no prédio onde trabalho, no prédio do lado onde guardo o carro. A esposa de um manobrista até mandou uma cartinha agradecendo, na minha família nunca fomos acostumados a doar roupas e brinquedos que não usaríamos mais.



MAS CLARO NÃO VAMOS NEGAR QUE AMAMOS TUDO ISSO E FICAMOS LOUCA PRA GENTE CHEGAR EM CASA E COLOCAR TUDO EM PRÁTICA! bjo renata rainho